Revista Cafeicultura – 11/09/2018

Café especial produzido em Piatã, na Bahia, e premiado em concurso nacional, está disponível por tempo limitado

A 3 Corações, marca líder em cafés no Brasil, em parceria com a TEM Café, loja especializada em cafés com foco em produtores nacionais, além de utensílios, localizada no bairro de Higienópolis, em São Paulo, lança com exclusividade em SP, o Microlote de café especial premiado no Concurso Nacional de Qualidade do Café da ABIC – Associação Brasileira da Indústria do Café.

O microlote foi cultivado pelo cafeicultor Antônio Rigno de Oliveira, já diversas vezes premiado em Concursos de Qualidade, na Fazenda São Judas Tadeu, a 1300m de altura, localizada em Piatã, no interior da Bahia. O café da variedade Catuaí tem notas de frutas amarelas, maracujá e mel, corpo aveludado e macio, e uma finalização doce e prolongada.

O produto será oferecido por tempo limitado, enquanto durarem os estoques de apenas 20kg, em grãos, em pacotes de 250g, por R$ 50, com opção de ser moído na hora.

“O projeto Rituais Microlotes tem o objetivo de trazer notoriedade, reconhecimento e divulgação dos cafés por todo o Brasil que se destacam em qualidade sensorial e trazem novas percepções aos consumidores. Entendemos a responsabilidade da 3 Corações em possibilitar o acesso à esse tipo de produto, e ampliar a experiência do brasileiro com cafés, com o objetivo de trabalharmos para o desenvolvimento do mercado interno, do produtor ao consumidor”, conta Aline Germano, gerente de Marketing e Operações do canal Foodservice da 3corações.

Para firmar essa parceria, a 3 Corações e a TEM Café programaram um workshop sobre cafés especiais com degustação da bebida, que acontecerá para convidados, no dia 16 de setembro, na loja da TEM Café. Na ocasião, os participantes terão a oportunidade de conhecer de perto toda a história do que fez esse café premiado.

Após, haverá uma degustação do café, preparado pelas mãos dos baristas Alex Ferreira, da 3 Corações, e Túlio Fernando, da TEM Café, que vão apresentar duas diferentes receitas em um único método de preparo (V60) e uma receita em outros dois diferentes métodos de preparo (Kalita e Aeropress).

Ainda com o objetivo de discutir sobre a cadeia, agregar conhecimento e fazer uma análise mais profunda do café, os baristas farão uma degustação guiada do produto: mostrarão como identificar e definir o corpo da bebida, a acidez, o retrogosto e outras características.

“Acreditamos que através do conhecimento, aprimora-se a apreciação do café. Podermos oferecer aos nossos clientes esse conhecimento que irá possibilitar replicar em sua casa as distintas e marcantes sensações que os cafés trazem em cada modo de preparo, e dividir esse momento com familiares e amigos, é ter a certeza de que estamos cumprindo nossa missão de estimular o melhor do café do Brasil para o brasileiro. Todo o trabalho das pessoas envolvidas na cadeia do café só obtém sucesso quando o seu resultado sensorial chega até a xícara. Sabemos que a percepção sensorial não retrocede, uma vez que essas experiências ocorrem, é apenas o início da busca em explorar os aromas e sabores em cada café”, comenta Yuri Pinotti, proprietário da TEM Café.

Cafés Especiais e microlotes

Cafés especiais passam por avaliação de profissionais certificados e apresentam ausência de grãos defeituosos, resultando em uma bebida de alta qualidade e perfil sensorial específico, além de critérios que trazem rastreabilidade à toda a cadeia produtiva de cada café. Para o resultado de todo esse trabalho ser percebido sensorialmente na xícara, cada elo da cadeia produtiva precisa manter os patamares com as práticas e cuidados com o café elevados, isso fortalece as melhores práticas da cadeia do café do Brasil como um todo, pois conectam todos os seus elos, do produtor até o consumidor. Microlotes são cafés com volume mínimo de uma saca de 60kg e máximo de 21 sacas, tratados com o máximo cuidado pelo produtor, e desenvolvem características particulares, que variam de acordo com a safra, variedade, microclima e processamento. Quando participam de concursos de qualidade, os cafés são avaliados por um corpo de juízes profissionais, e premiados pelo seu destaque em qualidade, sendo um concurso nacional uma vitrine para o produtor em todo o país, e também internacionalmente.

“O brasileiro está redescobrindo o café e se interessando, cada vez mais, pelas linhas especiais. E o Grupo 3corações, como maior empresa de café do Brasil, tem o papel de liderar esse movimento, que ainda é novo, e incentivar tanto a produção quanto o consumo de cafés especiais. O lançamento deste microlote é uma grande oportunidade para que os consumidores possam viver a experiência de conhecer os cafés de alta qualidade que o Brasil produz”, comenta Aline Germano, gerente de marketing e operações no canal Foodservice da 3corações.

Para garantir a melhor entrega e qualidade de seus cafés especiais, o grupo 3corações investe em procedimentos minuciosos, porém de escala infinitamente menor aos seus processos industriais, proporcionando melhor acesso para o consumidor e maior visibilidade para o produtor.

O Concurso Nacional ABIC de Qualidade do Café

O Concurso da ABIC (Associação Brasileira das Indústrias de Café) valoriza e premia os produtores dos melhores cafés do Brasil baseado em três critérios: Sensorial, avaliado por júri técnico, sustentabilidade da fazenda e sensorial avaliado por júri popular.